Otimismo: copo meio cheio ou meio vazio?

0
39

Tudo é uma questão de perspectiva, você já deve ter ouvido isso, olhar o copo meio cheio ou meio vazio é um aspecto da nossa personalidade, que quando carregado de esperança e positivismo, chamamos de otimismo. Essa positividade está associado à crença de que ações, resultados e os acontecimentos serão sempre favoráveis. E isso é bom!

A literatura científica já oferece evidências confirmatórias de que o otimismo melhora o bem-estar físico e mental e em relação a nutrição, algumas linhas de pesquisa sugerem que o otimismo aumenta a probabilidade de fazer escolhas alimentares saudáveis e assim, viver uma vida mais saudável.

Em um recente estudo publicado por pesquisadores de Harvard, os autores investigaram se a felicidade e o otimismo estavam relacionados a um estilo de vida saudável.

O estudo acompanhou as pessoas por 10 a 22 anos e avaliou se os hábitos saudáveis encontrados no início do estudo estavam relacionados com a felicidade.

A cada quatro anos, os comportamentos relacionados à saúde (atividade física, índice de massa corporal, dieta, consumo de álcool e tabaco) foram auto-relatados e relacionados a uma pontuação de estilo de vida.

Os resultados mostram que as mulheres com níveis de felicidade moderados e mais altos (versus mais baixos) apresentaram maior probabilidade de manter um  estilo de vida saudável, ou seja, os resultados sugerem que buscar a felicidade e o otimismo é fundamental, pois ajudam a manter os hábitos saudáveis ao longo da vida.

Que tal começar hoje a ter pensamentos positivos e afirmativos?

Quando vier a mente um pensamento negativo, tente formular um pensamento otimista e o repita por diversas vezes ao longo do dia, até espantar a negatividade!

 

Referências bibliográficas:

Trudel-Fitzgerald, C., James, P., Kim, E. S., Zevon, E. S., Grodstein, F., & Kubzansky, L. D. (2019). Prospective associations of happiness and optimism with lifestyle over up to two decades. Preventive Medicine, 105754.doi:10.1016/j.ypmed.2019.105754

Soliah, L. L. (2010). The Role of Optimism Regarding Nutrition and Health Behavior. American Journal of Lifestyle Medicine, 5(1), 63–68.doi:10.1177/1559827610378341

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, insira seu comentário!
Por favor, digite seu nome